10 comentários:
De Fantasma a 14 de Setembro de 2010 às 14:04
Oh! Caro Dr. José Paulo
Assim deixa de ter piada, com questões fáceis de responder como esta!!
De José Paulo de Sousa a 14 de Setembro de 2010 às 14:28
ora + 1 voto pro carteiro
De Fantasma a 14 de Setembro de 2010 às 17:12
Com jeitinho ainda será o carteiro a levar as culpas também!!!
De José Paulo de Sousa a 14 de Setembro de 2010 às 17:37
carteiro já tem 2 votos :)
De CN a 15 de Setembro de 2010 às 10:21
Esqueceram-se de pôr os trés numeros do código postal e o pobre homem não conhecia o destinatário
De ME a 15 de Setembro de 2010 às 11:50
Eu voto na Presidente da Escola. A escola foi para o buraco por falta de boas práticas de gestão. Quem não se preocupa em arranjar soluções para a os problemas também não se deve preocupar em enviar documentos para receber os apoios das instituições.
O carteiro deve ficar afastado deste cenário.
De Carlos Massapina a 16 de Setembro de 2010 às 02:41
Pois eu discordo…, com que então, querem fazer do carteiro o “cachorro” do regimento… (!)

È verdade que na “zona” de Distribuição Postal de Messines o desempenho de alguns carteiros não merece nota positiva… mas desta vez não…, e não pondo as mãos no fogo…, eu penso que desta vez o “carteiro está “inocente” (!) e, como tal, deve sair da “equação”…

Para solução desta “adivinha” eu tenho outra teoria…

Quantos aos presidentes, e não pondo as “mãos no fogo”… penso contudo que ambos falaram “verdade”…, só que ambos enunciaram as suas próprias “verdades”… (!)

Neste tipo de “disputas” a verdade surge sempre em três “versões”…, há sempre a “verdade” de um; há sempre a verdade do outro: e só depois é que surge a verdade… (!)

Ora vejamos onde assenta a minha teoria…

Na assembleia da Caixa Agrícola, o presidente do Conselho de Administração, respondendo às “críticas” que a seu Órgão recebeu pelo não atempado pagamento do subsídio anual, que supostamente é devido à escola Agrícola, veio explicar aos associados presentes das suas “razões”…, e com a explicação das suas razões eu entendi que a pretensão da Caixa Agrícola era receber da Escola Agrícola um detalhado “Relatório de Gestão”.
Tenho porém uma “dúvida”…, se é que não é uma “certeza”
O Relatório solicitado pela Caixa Agrícola foi feito de modo sintético e formal como é uso e costume na “Banca” em geral, ié, sem detalhes…,

Na Escola Agrícola, o solicitado Relatório não foi entendido como sendo um “Relatório de Gestão”, mas sim entendido e respondido como sendo um simples relatório de actividade escolar e por isso sem qualquer interesse para o “Banco”…, o qual continua a aguardar o “Relatório de Gestão”, documento que é, como ficou subentendido, determinante para que a Caixa Agrícola decida se concede ou não o Subsidio…

E vou mais longe em defesa da minha “tese”…, se ela é verdadeira e aplicável, o presidente do Conselho de Administração da Caixa Agrícola, até foi “bonzinho” com a sua pessoa… limitou-se a omitir a recepção de um relatório que não era um “Relatório de Gestão”…

Carlos Massapina
De José Paulo de Sousa a 16 de Setembro de 2010 às 11:44
pois vamos esperar sentados
pode ser que numa proxima assembleia geral da CCAM se cruzem a presidente da associação portas da serra proprietária da defunta escola profissional e o presidente do conselho de administração e a verdade surja.
De José Paulo de Sousa a 16 de Setembro de 2010 às 11:47
Resultados até à data ...

Teoria do acaso 2 votos
Teoria da conspiração do carteiro 2 votos
Teoria da presidente da EScola Agricola é mentirosa 1 voto
Teoria do Presidente da CCAM é Mentiroso 0 votos
De O CARTEIRO ( que tocou duas vezes!) a 17 de Setembro de 2010 às 23:36
Para não deixar morrer o assunto, que é de importância capital, uma vez que vem denegrir a imagem de um humilde e honesto trabalhador, exijo que se investigue e denuncie o verdeiro culpado! Afinal, a mentira tem ou não perna curta?

Comentar post