Domingo, 18 de Maio de 2008

Merci

Os meus agradecimentos a todos os que melguei durante quinze dias sobre o assunto da escritura do Centro Cultural e Social João de Deus - vulgo Lar da Terceira Idade em São Bartolomeu de Messines, soube na sexta-feira que a coisa se movimentou..., foi pedido à DGU - Divisão de Gestão Urbanística, do as vezes tão incompreendido arquitecto João Matias, um loteamento municipal para a zona em questão que deverá finalmente resolver a questão e proporcionar a tão almejada escritura, que todavia já não chegará a tempo para a Instituição se candidatar ao concurso entretanto aberto , mas vamos ter fé e esperar que para o ano surja nova oportunidade de concorrer.

 

Já agora e o Jardim Municipal de São Bartolomeu de Messines???!!!, com um bocadinho de esforço acho que se conseguia acabar a coisa e dar aos Messinenses aquilo que merecem, aquilo que alguém sonhou e que alguns proporcionaram.

 

Já agora (2) nestes tempos de cultara anti tabagistica lá em baixo Jorge Palma ao vivo em Santarem - " Dá-me Lume"!!!

 

Um bom fim de semana e até já! 

feito, revisto e publicado por, José Paulo de Sousa às 08:33
ligação do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De Fantasma a 21 de Maio de 2008 às 15:32
Quando foi apresentada na Câmara Municipal de Silves a Conta de Gerência de 2007, Isabel Soares, face à escandalosa e vergonhosa subida das Despesas Correntes e no que concerne à contribuição do factor funcionários, na subida dessas mesmas despesas, disse em plena reunião o seguinte: -“existem despesas correntes que não podem descer, como por exemplo, os vencimentos, telecomunicações, etc., porque para além da inflação ser maior, temos a subida dos escalões, a entrada de novos funcionários e os próprios aumentos dos ordenados determinam um aumento”.
Com estas afirmações, Isabel Soares, revela, mais uma vez, a falta de respeito que tem para com todos os Munícipes e tenta esconder a gestão dos recursos humanos da edilidade a qual, para além de constituir uma vil afronta a dezenas de funcionários, poderá ser considerada como utilização do dinheiro de todos nós para fins eleitorais e deveria ser motivo mais que suficiente para que os membros da oposição no executivo e na Assembleia não fizessem tabu deliberado sobre esta questão e requeressem uma investigação rigorosa a quem de direito, sob pena de serem considerados cúmplices; senão, vejamos:
a) Há já vários anos que a subida de escalões está congelada.
b) Do ano de 2006 para o ano 2007 houve uma subida de 937.682.88 euros com despesas de pessoal.
c) O aumento de ordenados decretado pelo governo foi de 1,5% o que representou um acréscimo global de cerca de 100 mil euros.
d) Na página 10 do Relatório de Gestão de 2007 é a própria Isabel Soares que diz ter a inflação baixado de 3% em 2006 para 2,4% em 2007.
e) As horas extraordinárias e Ajudas de Custo totalizam cerca de 800 mil euros.

É nesta última alínea e) que está o busílis da questão e brevemente serão apresentadas algumas situações no mínimo aberrantes.

O PESADELO

Comentar post

Eu


follow Jpaulosousa at http://twitter.com

O tempo na Vila

site meter

últ. comentários

É uma perspectiva interessante, da qual as pessoas...
Então aconselho que leias ao menos as seguintes ob...
...E PAGA AS PORTAGENS QUE O CONTRIBUINTE NÃO TEM ...
blabla bla...mas andaste 4 anos a comer do estado!...
Vª Exª é que se auto intitulou não fui eu ...
E um estúpido é um estúpido.
Feirante é Feirante e ponto final. Qual o problema...
José Paulo Sousa, ainda não percebeste que há uma ...
Termin7ologia do portal da empresa Qual a diferenç...
como vê sou muito mais tolerante e educado do o ca...

Recentes

eu não vou pedir desculpa...

memórias (7)

memorias (6)

memorias (5)

memórias(4)

Dezembro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

ligações

tags

todas as tags

mais comentados

26 comentários
12 comentários
12 comentários
12 comentários

Best of the best

a casa da cultura como el...

Socrates o Neoliberal

A menina que tem dois pai...

As minhas leituras (I)

pesquisar

 

Prateleira

blogs SAPO

subscrever feeds